>A DIFERENÇA ENTRE PASTORES E LOBOS.




































Jesus Cristo :
Leão da Tribo de Judá.
Maravilhoso, Conselheiro,
Deus Forte, Pai da Eternidade
e Principe da Paz!

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Esperando e orando...


Todos eles se reuniam sempre em oração.
= Atos 1.14=
Depois que Jesus foi elevado aos céus, os apóstolos retornaram a Jerusalém “com grande alegria”.
=(Lc 24.52) =
e esperaram durante dez dias pela descida do Espírito Santo. Lucas relata como eles ocuparam seu
tempo durante aqueles dias que antecederam o Pentecostes. Ele conta em seu evangelho que eles
“permaneciam constantemente no templo, louvando a Deus”.
=(Lc 24.53),=
enquanto o livro de Atos relata que “todos eles se reuniam sempre em oração” no aposento
onde estavam hospedados.
Esta certamente é uma combinação saudável: oração constante, no templo e em casa.
Quem eram essas pessoas que se reuniam para louvar e orar?

O texto nos diz que era um grupo de aproximadamente cento e vinte pessoas, incluindo os onze apóstolos,
que Lucas registra com variações mínimas em relação à lista que apresentou em seu evangelho.
Ele menciona também “as mulheres” (At 1.14), provavelmente Maria Madalena, Joana, Susana e
outras que apoiavam o ministério de Jesus e dos apóstolos financeiramente.
Foram elas que encontraram o túmulo vazio.
Separadamente, como que ocupando uma posição honrosa, Lucas acrescenta “Maria, mãe de Jesus”.
(v. 14),
cujo papel especial no nascimento de Jesus ele já havia descrito nos dois primeiros capítulos de seu evangelho.
Por último, são mencionados “seus irmãos”.
=(v. 14), =
que provavelmente vieram a crer em Jesus depois que o Senhor ressuscitado apareceu de forma especial a Tiago,
seu irmão.
(1Co 15.7).
Todos esses (os apóstolos, as mulheres, a mãe e os irmãos de Jesus), juntamente com o restante do grupo,
somavam cerca de cento e vinte pessoas que “se reuniam sempre em oração”.
Eles estavam sempre juntos e perseveravam em oração. Sem dúvida, eles se firmavam no que
Jesus havia ordenado e na sua promessa. Ele havia prometido enviar o Espírito Santo,
ordenando que esperassem por sua chegada para testemunhar.

Assim aprendemos que as promessas de Deus não tornam a oração supérflua. Ao contrário,
as promessas de Deus nos dão segurança e confiança de que ele ouve e responde às nossas orações.
Então voltaram para Jerusalém, do monte chamado das Oliveiras, o qual está perto de Jerusalém,
à distância do caminho de um sábado. E, entrando, subiram ao cenáculo, onde habitavam
Pedro e Tiago, João e André, Filipe e Tomé, Bartolomeu e Mateus, Tiago, filho de Alfeu,
Simão, o Zelote, e Judas, irmão de Tiago. Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas,
com as mulheres, e Maria mãe de Jesus, e com seus irmãos.
= : Atos 1.12-14 = Retirado de A Bíblia Toda O Ano Todo (John Stott). Editora Ultimato. 2007.

Estatística

Obrigado por participar do nosso Blog!!Deus te abençoe!!

Google+ Followers

Jesus Ama Você!!



Ensina-me, Senhor, o teu caminho,
e andarei na tua verdade;
une o meu coração ao temor do teu nome.
=Salmos 86:11=





GOSTOU DO BLOG?ENTÃO FIQUE A VONTADE PARA CURTIR ,COMENTAR E COMPARTILHAR!!

ACORDE POVO DE DEUS!!



Reflita:
Lembra-te, pois, de onde caíste,
e arrepende-te, e pratica as primeiras obras;
quando não, brevemente a ti virei,
e tirarei do seu lugar o teu castiçal,
se não te arrependeres.
= Apocalipse 2:5=





o pastor e o lobo.

Pastores buscam o bem das ovelhas; lobos buscam os bens das ovelhas.
Pastores vivem à luz da cruz; lobos vivem debaixo dos holofotes.
Pastores têm fraquezas; lobos são poderosos.
Pastores são ensináveis; lobos são donos da verdade.
Pastores têm amigos; lobo tem admiradores.
Pastores vivem de salários; lobos enriquecem.
Pastores vivem para suas ovelhas; lobos se abastecem
das suas ovelhas.
Pastores apontam para CRISTO; lobos apontam para si mesmo
e para igrejas deles.
Pastores são humanos, são reais; lobos são personagens religiosos
caricatos.
Pastores ajudam as ovelhas a se tornarem adultas; lobos perpetuam
a infantilização das ovelhas.
Pastores são simples e comuns; lobos são vaidosos e especiais.
Pastores quando contrariados silenciam, aquietam; lobos rosnam e
tornam-se agressivos.
Pastores se deixam conhecer; lobos se distanciam e ninguém chega perto.
Pastores alimentam as ovelhas; lobos se alimentam das ovelhas.
Pastores lidam com a complexidade da vida sem respostas prontas, lobos
lidam com técnicas pragmáticas com jargão religioso.
Pastores vivem uma fé encarnada; lobos vivem uma fé espiritualizada.
Pastores se comprometem com o projeto do REINO; lobos têm projetos e
reservas pessoais.
Pastores são transparentes; lobos têm agendas secretas.
Pastores dirigem igrejas-comunidades; lobos dirigem igrejas-empresas lucrativas.
Pastores pastoreiam as ovelhas, lobos seduzem as ovelhas.
Pastores buscam a discrição, lobos se auto-promovem.
Pastores se interessam pelo crescimento das ovelhas; lobos se interessam
pelo crescimento das ofertas.
Pastores ajudam as ovelhas a seguir livremente a CRISTO; lobos geram
ovelhas dependentes e seguidoras deles.
Pastores criam vínculo de amizade; lobos aprisionam em vínculo de dependência.
E então, quem está cuidando de sua igreja, é o PASTOR ou o LOBO?
....











Sou Cristã...apaixonada por Jesus...não sou idólatra!!




=" SIGAM-ME NO TWITTER.OBRIGADO!

Google+ Badge

Postagens populares

Pesquisar este blog

ROLAGEM.