>A DIFERENÇA ENTRE PASTORES E LOBOS.




































Jesus Cristo :
Leão da Tribo de Judá.
Maravilhoso, Conselheiro,
Deus Forte, Pai da Eternidade
e Principe da Paz!

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Jesus veio, portanto, trazer humildade de volta à terra, fazer-nos participantes dessa humildade, e por ela, nos salvar.


Nos capítulos 12 e 13 do livro de Êxodo,
Deus ordena a instituição da primeira Páscoa.
Os Israelitas estavam no Egito, escravizados por faraó.
Deus tinha um plano para libertá-los. Por isso, instruiu a Moisés
para que todo o povo se reunisse na noite em que o anjo da morte
haveria de passar pelo Egito, ceifando a vida de todo primogênito.
Essa seria a 10 praga.

A morte não alcançaria Israel, porém, precisariam cumprir as ordens Divinas:
Toda família israelita, deveria matar um cordeiro, imaculado e pôr
o sangue nas ombreiras e nas vergas das portas. O sangue do cordeiro
era garantia de vida. E assim, protegidos em suas casas, marcadas com sangue,
a morte "passaria por cima" deles. É isso que a palavra Páscoa significa:
"Passar por cima, passagem" .

" E aquele sangue vos será por sinal nas casas em que estiverdes, vendo eu sangue,
PASSAREI POR CIMA de vós, e não haverá entre vós, praga de mortandade,
quando eu ferir a terra do Egito"

= Êx12:13.= Na noite em que morreram os primogênitos, houve salvação, libertação para
Moisés e seu povo.A Páscoa, portanto, passou a ser sinônimo de nova vida.

Cerca de 1500 anos mais tarde, a Páscoa teria uma comemoração diferente,
porém, com o mesmo significado. Deus providencia um Cordeiro, sem mácula,
sem pecado, para ser sacrificado em favor de toda humanidade.
Àqueles que estivessem sob a cobertura do sangue do Cordeiro,
não provariam da morte e do fogo eterno.

O Cordeiro É Cristo Jesus. Ele foi sacrificado na mesma semana
em que todo Israel comemorava a Páscoa - 14º dia do mês de Nisã
- Ele representa o sacrifício eterno e definitivo que libertaria
o homem do "Egito" ( morte eterna, pecado) e do jugo pesado de "Faraó"
( Satanás e seus demônios).

"Então disse; eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade.
Tira o primeiro, para estabelecer o segundo"
= Hb 10:9.=

"Mas este, havendo oferecido um único sacrifício pelos pecados,
está assentado à destra de Deus"
=Hb 10: 12.=

A segunda Páscoa, portanto, estabelece uma nova aliança, em que a vida
eterna é concedida aos que creem no "Cordeiro Páscoal" e em seu
sacrifício eterno que, ali, na cruz, purificou o homem de todo o pecado.

" E no dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse:
Eis O Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo"
=Jo 1:29.=

Jesus É a Páscoa. Seu sangue, garantiu-nos perdão, libertação.
A morte "passa por cima" daqueles que deixam o senhorio de "farao´"
e rumam à terra prometida tendo Cristo Jesus como Senhor.

" Estes combaterão contra O Cordeiro e O Cordeiro os vencerá,
porque É O Senhor dos Senhores e o Rei dos Reis; vencerão os
que estão com Ele, chamados eleitos e fiéis".
= Ap 17:14.=

Estatística

Obrigado por participar do nosso Blog!!Deus te abençoe!!

Google+ Followers

Jesus Ama Você!!



Ensina-me, Senhor, o teu caminho,
e andarei na tua verdade;
une o meu coração ao temor do teu nome.
=Salmos 86:11=





GOSTOU DO BLOG?ENTÃO FIQUE A VONTADE PARA CURTIR ,COMENTAR E COMPARTILHAR!!

ACORDE POVO DE DEUS!!



Reflita:
Lembra-te, pois, de onde caíste,
e arrepende-te, e pratica as primeiras obras;
quando não, brevemente a ti virei,
e tirarei do seu lugar o teu castiçal,
se não te arrependeres.
= Apocalipse 2:5=





o pastor e o lobo.

Pastores buscam o bem das ovelhas; lobos buscam os bens das ovelhas.
Pastores vivem à luz da cruz; lobos vivem debaixo dos holofotes.
Pastores têm fraquezas; lobos são poderosos.
Pastores são ensináveis; lobos são donos da verdade.
Pastores têm amigos; lobo tem admiradores.
Pastores vivem de salários; lobos enriquecem.
Pastores vivem para suas ovelhas; lobos se abastecem
das suas ovelhas.
Pastores apontam para CRISTO; lobos apontam para si mesmo
e para igrejas deles.
Pastores são humanos, são reais; lobos são personagens religiosos
caricatos.
Pastores ajudam as ovelhas a se tornarem adultas; lobos perpetuam
a infantilização das ovelhas.
Pastores são simples e comuns; lobos são vaidosos e especiais.
Pastores quando contrariados silenciam, aquietam; lobos rosnam e
tornam-se agressivos.
Pastores se deixam conhecer; lobos se distanciam e ninguém chega perto.
Pastores alimentam as ovelhas; lobos se alimentam das ovelhas.
Pastores lidam com a complexidade da vida sem respostas prontas, lobos
lidam com técnicas pragmáticas com jargão religioso.
Pastores vivem uma fé encarnada; lobos vivem uma fé espiritualizada.
Pastores se comprometem com o projeto do REINO; lobos têm projetos e
reservas pessoais.
Pastores são transparentes; lobos têm agendas secretas.
Pastores dirigem igrejas-comunidades; lobos dirigem igrejas-empresas lucrativas.
Pastores pastoreiam as ovelhas, lobos seduzem as ovelhas.
Pastores buscam a discrição, lobos se auto-promovem.
Pastores se interessam pelo crescimento das ovelhas; lobos se interessam
pelo crescimento das ofertas.
Pastores ajudam as ovelhas a seguir livremente a CRISTO; lobos geram
ovelhas dependentes e seguidoras deles.
Pastores criam vínculo de amizade; lobos aprisionam em vínculo de dependência.
E então, quem está cuidando de sua igreja, é o PASTOR ou o LOBO?
....











Sou Cristã...apaixonada por Jesus...não sou idólatra!!




=" SIGAM-ME NO TWITTER.OBRIGADO!

Google+ Badge

Postagens populares

Pesquisar este blog

ROLAGEM.